Fale conosco pelo WhatsApp

Empreendedorismo: saiba como começar o seu negócio

Lampada com idéias
Imagem meramente ilustrativa (Banco de imagens: Shutterstock)
Por: Publicado em 16/02/2022

O empreendedorismo, em sua acepção mais simples, significa levar adiante alguma ação, fazer algo. Hoje, o termo está ligado à ideia do lançamento de um negócio próprio, um empreendimento (daí a palavra), geralmente por quem deseja ter sua própria empresa.

O empreendedorismo é, portanto, a prática do trabalho autônomo (mas devidamente legalizado) levado adiante por uma ou mais pessoas, e que tem por meta trazer retorno financeiro a estas pessoas, preferencialmente, vindo de uma atividade com a qual elas se identifiquem.

Tal conceito tem uma origem mais antiga do que a maioria pensa. O empreendedorismo não surgiu nas últimas quatro décadas, ao contrário do que muitos creem; ele surgiu, isto sim, nos últimos quatro séculos.

Quais são os principais conceitos do empreendedorismo

Os primeiros autores a escrever sobre empreendedorismo foram os franceses Jean Baptiste Say e Richard Cantillon – isto, já no século XVII!

Na época, ambos afirmaram que um empreendedor, para merecer esta denominação, deveria reunir em si capacidade de produção e gestão, além de estar disposto a assumir riscos.

Em 1942, o economista austríaco Joseph Schumpeter escreveu uma obra que é hoje um clássico da ciência econômica: Capitalismo, Socialismo e Democracia, na qual defende que a prática do empreendedorismo é a chave para o desenvolvimento econômico de uma sociedade.

Para Schumpeter, o empreendedor é o principal responsável pelo que ele chamava de processo de destruição criativa: acabava-se com o que era antigo e não mais funcionava para dar lugar, no ambiente econômico, a novos produtos, novos mercados e novos métodos de produção.

Qual é a importância do empreendedorismo e quais os tipos de empreendedores

O empreendedorismo, como foi demonstrado, está desde sua origem intimamente ligado à inovação e ao encontro de novas oportunidades.

Ser um empreendedor (ou uma empreendedora) de sucesso significa ter um objetivo e agir no sentido de alcançá-lo, superando com inteligência e trabalho duro os muitos obstáculos que surgem pelo caminho.

Porém, não há somente um gênero de empreendedorismo.

A atividade é dinâmica, e comporta diversos comportamentos. Todos cabem no conceito de empreendedorismo, mas são diferentes entre si.

Vamos conhecer, a seguir, os principais tipos de empreendedorismo existentes:

  • Empreendedorismo clássico – É aquele que se refere ao ato de criar o próprio negócio de venda de produtos e/ou de serviços, qualquer que seja o porte do negócio;
  • Empreendedorismo por oportunidade – É aquele que descobre uma oportunidade de negócios ainda inexplorada e entra no ramo para atendê-la;
  • Empreendedorismo por necessidade – É quando se abre um negócio por não haver outra forma de auferir renda. Costuma ser uma boa alternativa de trabalho em países em desenvolvimento como o Brasil;
  • Empreendedorismo digital – Trata-se do pequeno negócio que opera majoritariamente (ou exclusivamente) na internet. Além do comércio eletrônico, empreendimentos digitais também podem ser empresas de marketing digital ou dos chamados infoprodutos (conteúdos cobrados oferecidos via web, como palestras e livros);
  • Empreendedorismo social – É quando se cria uma empresa cuja razão da existência é a solução de algum problema social ou ambiental. Não se deve confundir empreendimentos assim com Organizações não Governamentais (ONGs), as quais não visam lucro (o empreendedorismo social almeja o lucro para o empreendedor);
  • Intraempreendedorismo (ou empreendedorismo corporativo) – É o empreendedorismo que acontece no interior de uma grande corporação. Está mais ligado a uma postura por parte do empreendedor do que à abertura de um negócio próprio. Mesmo sendo funcionário de uma empresa, ele age, dentro dela, com a agilidade e a busca pela qualidade características de um proprietário;
  • Empreendedorismo serial – Refere-se àquela pessoa que abre não uma – mas duas, três, quatro ou mais empresas, seguidamente, visando aproveitar as diferentes oportunidades que identifica ao longo do tempo;

Características de um empreendedor

Não há somente uma qualidade que o empresário, ou a empresária, deve ter para dedicar-se ao empreendedorismo. Há várias. Vamos conhecer, a seguir, as principais dentre elas.

O empreendedor, para ser vitorioso, deve ter as seguintes características:

  • Liderança;
  • Uma boa rede de contatos (o chamado networking);
  • Iniciativa;
  • Perseverança;
  • Coragem para correr riscos (desde que calculados);
  • Talento para o planejamento;
  • Eficiência e vocação para os negócios.

O que você precisa saber antes de empreender

Se é sua vontade e intenção tornar-se um empreendedor, lembre-se de fazer a si mesmo as seguintes perguntas – e só depois de respondê-las, começar a agir em tal sentido:

  • Qual é o mercado que você busca?
  • Você já identificou seu público-alvo?
  • Sua ideia de negócio se sustenta no curto, médio e longo prazos?
  • Por que as pessoas iriam atrás de seu produto ou serviço?
  • Você irá se sentir realizado ao executar a ideia de negócios que tem?
  • Que diferencial você pode oferecer para chamar a atenção em um mercado cada vez mais competitivo?
  • Sua ideia é escalável – quer dizer, é facilmente replicável e conta com alto potencial de crescimento?
  • Quem são, e onde estarão, seus possíveis concorrentes?
  • Quais são os riscos que você enfrentará ao abrir tal negócio que concebeu?
  • Sua ideia será perene (ou seja, terá valor frente a outros produtos e serviços já existentes no mercado), ou irá perdurar só enquanto for uma novidade?

Enfim, o empreendedorismo é um caminho fascinante – e também árduo. Não há contradição aqui: ambas as características convivem no termo.

Para saber mais sobre empreendedorismo, você pode consultar Eduardo Maróstica palestrante, especialista em vendas e professor do MBA de Empreendedorismo e Novos Negócios na Fundação Getúlio Vargas (FGV). Vá até ele e conte com a ajuda deste profissional para tornar o empreendedorismo parte de sua vida!